Deus Tangaroa é uma divindade do mar na mitologia polinésia e no culto marítimo da Oceania. Ele é conhecido como o filho mais velho de Rangi (Céu) e Papa (Terra) e é considerado o deus dos mares de personalidade agressiva. De acordo com a mitologia polinésia, Tangaroa foi responsável por forçar a separação de seus pais, resultando na criação dos oceanos.

Deus Tangaroa
Representação do Deus Tangaroa.

Ele também é associado à fertilidade e é o pai de Ikatere, o rei dos peixes, e Tu-te-wehiwehi, ancestral dos répteis. Tangaroa é reverenciado pelos marinheiros polinésios e micronésios, que costumam carregar um pedaço de coral como símbolo de adoração ao deus do mar.

Acesse também: Conheça Deus Lugh: História e Significados na Mitologia Celta

Principais pontos a serem observados:

  • Deus Tangaroa é uma divindade do mar na mitologia polinésia.
  • Tangaroa é conhecido como o filho mais velho de Rangi e Papa.
  • Ele é considerado o deus dos mares de personalidade agressiva.
  • Tangaroa é reverenciado pelos marinheiros polinésios e micronésios.
  • Ele é associado à fertilidade e é o pai de Ikatere e Tu-te-wehiwehi.

A Lenda do Deus Tangaroa

De acordo com as lendas polinésias, a história de Tangaroa se desenrola após a separação de seus pais, Rangi (Céu) e Papa (Terra). Nesse momento crucial, Tangaroa foi atacado por seu irmão Tawhiri, o poderoso deus das tempestades, e precisou se refugiar no fundo do mar. Sozinho, ele encontrou abrigo na concha escura de um mexilhão primordial, onde passou a viver.

Ele também carregava uma rixa com seu irmão Tane, o deus das florestas, devido ao fato de Tane ter acolhido Tu-te-wehiwehi, banido dos mares por sua violência. Essa rivalidade entre Tangaroa e Tane desencadeou confrontos entre o mar e a terra. Ele foi tão longe a ponto de ordenar que o mar engolisse tudo pertencente a Tane, perpetuando assim a rivalidade ancestral.

Essa lenda é um importante mito na mitologia polinésia, onde o mar e a terra são considerados esferas opostas. É por essa razão que Tangaroa é reverenciado pelos marinheiros polinésios e lembrado sempre que eles adentram o mar em busca de sustento e sobrevivência.

Tangaroa é uma figura mitológica complexa, um deus guerreiro que lutou contra seu irmão Tawhiri e entrou em embate com Tane, sendo reverenciado e temido ao mesmo tempo. Sua história representa as forças poderosas da natureza e as dinâmicas entre os elementos marítimos e terrestres na mitologia polinésia.

Quer se aprofundar ainda mais e se tornar um especialista em mitologia? O livro ‘O Livro da Mitologia‘, trás uma abordagem aprofundada que vai da mitologia greco-romana até a nórdica e egípcia. Clique no link abaixo e confira mais sobre ele na Amazon!

Variações de Tangaroa na Mitologia Polinésia

Os mitos se espalham pelas ilhas do Pacífico de maneiras diferentes. Por exemplo, no Havaí, Tangaroa tem ligações com Kanaloa, outra divindade do mar. Nas Ilhas Cook, ele é considerado filho da luz solar e tem associações com o fogo. No Taiti, ele recebe o nome de Ta’aroa, o caos criador, e é responsável por criar os deuses e todos os seres vivos.

diferentes representações de Tangaroa
Diferentes Representações de Tangaroa.

O Deus é frequentemente representado com um corpo oco cheio de pequenas esculturas que simbolizam suas criações. Em algumas lendas havaianas, Tangaroa é retratado como um deus maléfico, associado à feitiçaria e ao submundo. Essas diferentes representações dele refletem a diversidade das crenças religiosas e mitológicas polinésias.

Mitos RelacionadosDiferentes Representações
No HavaíConexões com Kanaloa, divindade do mar
Nas Ilhas CookConsiderado filho da luz solar e associado ao fogo
No TaitiNomeado Ta’aroa, o caos criador, criador dos deuses e seres vivos
Em algumas lendas havaianasRetratado como um deus maléfico associado à feitiçaria e ao submundo

Outras Divindades do Oceano

Além de Tangaroa, a mitologia polinésia possui outras divindades relacionadas ao oceano e às águas. Entre elas, destaca-se Kanaloa, que é considerado o equivalente ao Deus no Havaí. Kanaloa também é adorado como um deus do mar e possui atributos semelhantes a Tangaroa.

Essas divindades do oceano desempenham um papel importante na cultura polinésia, onde a pesca e a navegação são atividades essenciais para a sobrevivência. A adoração de Tangaroa e outras divindades do mar demonstra a profunda conexão e reverência dos povos polinésios à natureza e aos elementos marítimos.

FAQ

Qual é a origem de Deus Tangaroa e qual é o seu papel na mitologia polinésia?

Deus Tangaroa é uma divindade do mar na mitologia polinésia e no culto marítimo da Oceania. Ele é conhecido como o filho mais velho de Rangi (Céu) e Papa (Terra) e é considerado o deus dos mares de personalidade agressiva. Tangaroa também é associado à fertilidade e é reverenciado pelos marinheiros polinésios e micronésios.

Quais são as lendas conhecidas sobre Tangaroa?

De acordo com as lendas polinésias, Tangaroa foi responsável por forçar a separação de seus pais, resultando na criação dos oceanos. Ele também teve embates com seu irmão Tawhiri, o deus das tempestades, e com seu irmão Tane, o deus das florestas. Essas lendas retratam a rivalidade entre o mar e a terra.

Como Tangaroa é representado em diferentes regiões da Polinésia?

Tangaroa é representado de maneiras diferentes em diferentes ilhas do Pacífico. No Havaí, ele tem ligações com Kanaloa, outra divindade do mar. Nas Ilhas Cook, ele é considerado filho da luz solar e tem associações com o fogo. No Taiti, ele recebe o nome de Ta’aroa, o caos criador, e é responsável por criar os deuses e todos os seres vivos.

Quais são outras divindades relacionadas ao oceano na mitologia polinésia?

Além de Tangaroa, outra divindade do mar na mitologia polinésia é Kanaloa, que é adorado como o equivalente a Tangaroa no Havaí. Essas divindades desempenham um papel importante na cultura polinésia, onde a pesca e a navegação são atividades essenciais para a sobrevivência. A adoração de Tangaroa e outras divindades do mar demonstra a profunda conexão e reverência dos povos polinésios à natureza e aos elementos marítimos.

Deixe uma reação

Engraçado
0
Feliz
0
Amei
0
Interessante
0
Carlos César
Apaixonado por história, leitor assíduo de livros e programador front-end.

    You may also like

    More in:Mitologia

    Leave a reply

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *